MAIS FRASES Os mais belos pensamentos
    George Eliot
    George Eliot, pseudônimo de Mary Ann Evans (Nuneaton, 22 de novembro de 1819 — Londres, 22 de dezembro de 1880), foi uma romancista autodidata britânica.
    Usava um nom de plume masculino para que seus trabalhos fossem levados a sério. À época, outras autoras publicavam trabalhos sob seus verdadeiros nomes, porém, Eliot queria escapar de estereótipos que ditavam que mulheres só escreviam romances leves. Outro fator que pode ter levado Eliot a usar um pseudônimo masculino era o desejo de preservar sua vida íntima, sobretudo seu relacionamento com George Henry Lewes, um homem casado, com quem viveu por mais de vinte anos.
    Estreou na literatura ao realizar as traduções de “A vida de Jesus” de David Strauss, e “A essência do cristianismo”, de Ludwig Feuerbach. Sob o pseudônimo George Eliot, foi autora de várias poesias, manuscritos e sete romances, sendo os mais famosos: “Adam Bede” (1859), “O moinho à beira do rio” (1860), “Silas Marner: o tecelão de Raveloe” (1861), e “Middlemarch: um estudo da vida provinciana” (1871-1872). Os temas mais recorrentes em seus romances são: a discussão em torno dos papéis de gênero e das regras de conduta moral próprios da sociedade vitoriana, o debate sobre a legitimidade das configurações familiares que fugiam ao modelo tradicional nuclear formado, especificamente, por pai, mãe e filhos, e a idealização da parentalidade como uma relação de não dominação, além da apresentação de personagens destoantes das regras morais tradicionais da sociedade inglesa do século XIX.
    Desenvolveu o método da análise psicológico característico da ficção moderna. Sua obra Middlemarch: um estudo da vida provinciana : A vida era assim em Middlemarch (1872) é considerada um dos maiores romances do século XIX.
    Total de 7 frases
  • “Talvez as melhores amizades sejam aquelas em que haja muita discussão, muita disputa e mesmo assim muito afeto.”

    George Eliot

  • “A responsabilidade da tolerância está com os que têm a visão mais ampla.”

    George Eliot

  • “Neste mundo, são aqueles que aproveitam a oportunidade que têm as oportunidades.”

    George Eliot

  • “O caráter não é esculpido em mármore, não é algo sólido e inalterável. É algo vivo e mutável, e pode tornar-se doente, como se torna doente o nosso corpo.”

    George Eliot

  • “Quando chega a morte, não é da nossa ternura que nos arrependemos: é da nossa severidade.”

    George Eliot

  • “Abençoado o homem que, não tendo nada a dizer, abstém-se de dar provas do fato com palavras.”

    George Eliot

  • “A amizade é o conforto indescritível de nos sentirmos seguros com uma pessoa, sem ser preciso pesar o que se pensa, nem medir o que se diz.”

    George Eliot

Veja também

irCM
football management